Confissão #13

Adoro os clippings do Publishnews.. Aos finais de semana vou tentar fazer um apanhado das notícias que achei mais interessantes. As da semana que passou:

Em 16/01
O Rio em chuteiras
O Globo - 14/1/2006 - por Douglas McMillan
Perdoe todas as metáforas futebolísticas e considere este texto um juiz de negríssima camisa que, após o cara-ou-coroa, apita o início da partida: abrem hoje as inscrições para o concurso Contos do Rio, que o Prosa & Verso promove anualmente para revelar novos talentos das letras brasileiras. As regras são as de sempre: estão habilitados contos que tenham como cenário o Rio (imaginário ou real), que sejam inéditos e escritos por autores desconhecidos do grande público. E neste ano em que a rodriguiana pátria se apronta para a Copa do Mundo, os textos devem ter como tema a peleja, a pelada — o futebol. Valem todas as jogadas para levar à ficção o universo das chuteiras, tão presente na cidade do gigantesco e histórico Maracanã. Além do tema popular, a terceira edição do concurso traz outra boa notícia: pela primeira vez há um prêmio em dinheiro. O primeiro lugar, que já ganhava um troféu, também receberá R$ 3 mil. Os outros nove finalistas levam um diploma. Os contos devem ser enviados ao GLOBO até dia 28 de abril e os dez selecionados serão anunciados em 15 de julho, quando começa a publicação dos textos. O regulamento do concurso ficará disponível no Globo On Line.

O Batuque Book do maracatu
O Estado de S. Paulo - 14/1/2006 - por Aluízio Falcão
Batuque Book. O título é uma paródia de song book, mas basta a pronúncia onomatopaica e já se sabe o conteúdo: gêneros musicais de Pernambuco em que predominam tambores e outros instrumentos percussivos. A série foi planejada para 15 volumes. Começa registrando notações melódicas e rítmicas, além das letras das toadas de maracatu. Depois virão, cavalo marinho, côco e o que mais houver. Tomara que também haja patrocínio. Não quero humilhar ninguém, mas estou no Recife a passeio, diante do mar. Interrompo as muitas horas vagas e apuro que um dos autores do livro, Climério de Oliveira Santos, estará em São Paulo em fevereiro para lançar esta obra tão original quanto oportuna. O Batuque Book difunde informações valiosas para compreendermos o maracatu na atualidade. Os textos de Climério Santos e Tarcísio Resende devem ser lidos na íntegra, por serem verdadeiras aulas sobre o tema. O outro autor, Tarcísio Soares Resende, comenta a inspiração para escrever a música do maracatu. Carlos Sandroni, que fez a revisão musical e assina prefácio, chama a atenção para o fato de que os maracatus pernambucanos já inspiraram músicos do porte de Francisco Mignoni, Egberto Gismonti e Guerra-Peixe. Com este primeiro volume patrocinado pelo governo de Pernambuco, prefeitura do Recife, Chesf e outros parceiros tem seqüência, no século 21, a faina de Mário de Andrade nos anos 1930.


Em 17/01
Virgin se une a indianos para investir em HQ
Folha de S. Paulo - 16/1/2006 - por Marco Aurélio Canônico
No último dia 6 de janeiro, a Virgin, empresa gigante norte-americana que investe em ramos tão distintos quanto aviação e música, anunciou que estava se unindo à maior editora de quadrinhos da Índia, a Gotham Entertainment, para criar duas novas empresas, a Virgin Comics e a Virgin Animation. Visando o milionário mercado de animações e quadrinhos -que cresceu 44,7% nos EUA em 2005 e dobrou de tamanho no Reino Unido desde 2003-, as novas empresas também pretendem globalizar a cultura indiana: a Virgin Animation terá sede na Índia, e a Virgin Comics, apesar de sediada em Nova York, terá uma linha dedicada a heróis criados a partir da mitologia indiana. Os primeiros títulos, ainda sem distribuição negociada para o Brasil, devem sair até o meio deste ano e incluem adaptações do épico hindu "Ramayana" -que Devarajan define como "o "Senhor dos Anéis" do Oriente'"- , na HQ "Ramayan Reborn", e de figuras tradicionais indianas como o sadhu (religioso dedicado à meditação e à contemplação de Deus), que, no álbum "The Sadhu", será um soldado britânico treinado por um sábio para ser um "guerreiro espiritual".


Em 18/01
Prêmio contemplará autoras durante Feira do Livro de Guadalajara
CBL Informa - 16/1/2006
Mulheres escritoras, de qualquer nacionalidade e que tenham publicado romances no período de 2004 a 2006 - com tiragem de no mínimo 3 mil exemplares - estão convidadas a participar do "Prêmio de Literatura Sor Juanna Inês de la Cruz 2006", evento promovido pela Feira Internacional do Livro de Guadalajara e pela Associação de Clubes do Livro de Guadalajara. As autoras deverão enviar até 31 de março seis exemplares da obra, com currículo anexado, foto e dados pessoais destinado a Feira do Livro de Guadalajara, no endereço: Av. Alemania,1320 - Guadalajara - Jalisco - México - CEP: 44190. A vencedora será contemplada com Us$ 10 mil.


Em 19/01
Inscrições para o Salão de Humor terminam segunda
O Globo - 19/1/2006
As inscrições para o XVII Salão Carioca de Humor, que será realizado em março na Casa de Cultura Laura Alvim, serão encerradas na próxima segunda-feira. O Concurso Nacional de Desenho de Humor continua sendo a grande vitrine para os novos talentos e o tema é livre. Para o primeiro lugar nas categorias caricatura, charge, cartum e quadrinhos serão distribuídos prêmios no valor de R$ 6 mil. O segundo lugar receberá R$ 4 mil e o terceiro, R$ 2 mil. O homenageado do Salão este ano será o cartunista Claudius, que comemora 50 anos de carreira. Maiores informações pelo telefone 21-2299-5583 ou no site da Funarj: www.funarj.rj.gov.br.

Parabéns, Snoopy!
PublishNews - 19/1/2006
Snoopy, Charlie Brown e sua turma completaram 55 anos e a Conrad Editora lança o décimo livro da coleção: Feliz Aniversário, Snoopy. Em capa dura, a obra vem com com um charmoso papel de presente da turma criada por Charlie Schulz. Em Feliz Aniversário, Snoopy (32 pp., R$ 25) todos os personagens vivem dias de aniversários especiais: o aniversário de Snoopy, de Beethoven, do Barão Vermelho e do avô de Charlie Brown. Cada aniversário traz uma situação diferente, idéias sobre presentes, além de reflexões sobre velhice e amizade. Como em todas as tiras, Snoopy nos ensina as lições do dia-a-dia com um delicioso sorriso que convence crianças e adultos, fãs de quadrinhos, professores universitários e até mesmo grandes personalidades como o italiano Umberto Eco.


Em 20/01
Polícia apreende em editora 1.680 cópias de obra com conteúdo anti-semita
Folha de S. Paulo - 19/1/2006
O Ministério Público e o Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) apreenderam anteontem 1.680 exemplares do livro Protocolos dos Sábios do Sião, na editora Centauro, na zona norte de São Paulo. O Departamento de Inquéritos Policiais da capital considerou que a obra tem conteúdo anti-semita. Protocolos dos Sábios do Sião é um texto apócrifo, divulgado no início do século 20, durante a Rússia czarista, que descreve um plano de dominação global pelo povo judeu. A obra é citada por diversos grupos anti-semitas. Vários historiadores declaram que Protocolos é uma fraude. Um dos donos da Centauro, Adalmir Caparros, classificou como "violência" o recolhimento forçado dos volumes e disse conhecer apenas superficialmente o texto. "Não se pode dizer que somos anti-semitas. Não fomos nós que fizemos o livro", defendeu-se. Um dos trechos do livro diz que "os judeus esmagarão e escravizarão pelo assassínio e o terrorismo cada um dos povos da Europa".

Livros: o melhor é ter acesso
Gazeta Mercantil - 20/1/2006 - por Hubert Alquéres *
20 de Janeiro de 2006 - No Brasil, o universo de leitores é pequeno: apenas 17 milhões dos 170 milhões de brasileiros lêem pelo menos um livro por ano. Essa escassez de leitores produz um círculo vicioso: o livro é caro porque o universo de leitores é pequeno, e esse universo é pequeno porque o livro é caro. Nesse contexto, uma boa opção para conquistar novos leitores é incentivar a produção dos chamados livros de bolso, ou pocket books, estratégia que há mais de 50 anos foi consolidada em países como os Estados Unidos, a Grã-Bretanha e a França. No Brasil, algumas iniciativas nesse sentido já provaram que a experiência pode dar certo, embora os livros de bolso no mercado nacional ainda sejam caros para o poder aquisitivo do brasileiro em geral. Foi pensando nisso e na experiência de editoras como a LPM, a Publifolha ou a coleção Primeiros Passos da editora Brasiliense que a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo (Imesp) lançou a coleção Aplauso, hoje com mais de 70 títulos publicados, que resgatam a memória do cinema, teatro e TV no Brasil. Os livros, vendidos a um preço médio de R$ 9,00, têm a coordenação do crítico e comentarista Rubens Ewald Filho e são escritos por jornalistas especializados. A coleção, além de ser vendida a preços acessíveis, foi enviada gratuitamente para bibliotecas públicas e de escolas de comunicação de todo o Brasil. O êxito de iniciativas como estas demonstra que existe espaço no Brasil para a multiplicação de livros de bolso de qualidade, tanto no conteúdo quanto na forma, como um novo canal para difundir o hábito da leitura e democratizar o conhecimento do valioso patrimônio cultural de nosso país e da humanidade.
* Presidente da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e da Associação Brasileira de Imprensas Oficiais

IV Prêmio Casa de Cultura Mario Quintana
PublishNews - 20/1/2006
No ano do Centenário do poeta Mario Quintana, a Casa de Cultura Mario Quintana promove o 4º Prêmio Casa de Cultura Mario Quintana – Edição 2006. Este concurso de abrangência nacional, cuja primeira edição ocorreu em 2003, terá uma edição especial. Em homenagem ao 100 anos de Mario Quintana, o concurso vai contemplar a categoria POESIA, com duas modalidades (Poesia para adultos e Poesia para Jovens). O concurso é aberto a qualquer escritor brasileiro, residente ou não no Brasil. As características de cada premiação: Poesia para adultos - Cada autor deve enviar originais em poesia com no máximo 150 páginas. O prêmio concedido ao vencedor será um contrato de edição da obra com mil exemplares com a Nova Prova Editora, prêmio de R$ 8 mil e lançamento na 52ª Feira do Livro de Porto Alegre. Poesia para jovens - Cada autor deve enviar originais em poesia com no máximo 80 páginas. O prêmio concedido ao vencedor é o mesmo dos adultos. Os originais devem ser encaminhados à Casa de Cultura Mario Quintana em três vias, com um pseudônimo do autor. Não serão aceitas poesias avulsas. A obra vencedora será escolhida por uma Comissão Julgadora nas duas modalidades, sendo que na Poesia para Jovens haverá um Júri Juvenil, formado por 11 estudantes (ensino fundamental e médio). As inscrições estão abertas até o dia 16 de maio de 2006. O regulamento completo do concurso está publicado no site da Casa de Cultura, no endereço www.ccmq.rs.gov.br. Interessados também podem obter informações pelos fones 51-3226-1181, 3221-7083 e 3211-5581

**********
Eles fazem um ótimo apanhado sobre tudo que saiu sobre o mercado literário nos principais jornais do país. E você pode receber diariamente por e-mail, assinando aqui.

5 Comments:

Anonymous Ana também, pelo batismo... said...

Ana Maria...
Você com um blog de novo?
E nem avisou nem nada...
Puxa, magoei...

1/22/2006 10:51:00 PM  
Anonymous Sonia said...

Boa dica essa do Publish News. Premizinho bem esse de Guadalajara. Será que romance histórico tem chance? Os meus não são própriamente romances, e sim História contada em forma de romance.

1/24/2006 12:33:00 AM  
Blogger Ana Maria Gonçalves said...

Ana V.? Vou te escrever... :-)

sonia, assine que você não vai se arrepender. Acho que romance histórico tem chance sim, mas tem que ter sido publicado em espanhol...
Beijos,
Ana

1/24/2006 01:19:00 PM  
Anonymous Sonia said...

Tem que ter sido publicado em espanhol? Dancei.

1/25/2006 01:06:00 AM  
Blogger 日月神教-向左使 said...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,正妹牆,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站

5/04/2010 06:28:00 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home